3 de out de 2015

Muito tempo não significa pra sempre.

Em algum momento, talvez quando choramos até soluçar ou depois de dias indo dormir chorando, percebemos que precisamos que alguém nos cuide.

Aí a cabeça refaz todas histórias que te fizeram bem e relembram todos os anjos da guarda que você teve.

Mas você está cansado, não está? Eu sei que dói ter que pedir. Você quer que percebam, não é?

Eu entendo você. Entendo sentir a faltando que nunca se teve, mas pelo menos por um pouquinho se teve.

Entendo a confusão, a dor, a ferida aberta.

Mas meu amor, isso passa. E a gente tem que superar. E conseguir. Mesmo que doa começar a trilhar um caminho sozinho. Não vou te iludir, é horrível. Você chora e sente falta de colo todo o tempo.

Até o momento em que para de sentir.

Talvez não tudo, espero que não pelo menos, mas uma hora a falta de atenção constante vem. Talvez isso seja a solidão se tornando sua melhor companhia.

Eu não sei.

Não sou a melhor pessoa pra te ajudar com isso.

Eu só queria deixar claro que isso acontece com muita gente. E que superamos sim. Eu espero que sim.

Não desiste de tentar. Alguém vai perceber.

Senão, seja a pessoa que cuida de ti.

Vai aparecer alguém.

Calma.

E cuidado.

Uma hora a dor para.

(Juro.)

Nenhum comentário:

Postar um comentário