20 de mai de 2015

As voltas de sempre só pra dizer que eu também sou de carne e osso.

Sabe o que que é? É que eu acho que tô cansando de lutar por mim e por você. E pelos outros vocês que já foram e que provavelmente vão ser.

É só tão cansativo ir atrás de quem foge da gente. Me sinto um monstro. De verdade. Não sei o que você e seus antigos vocês tem (e tinham) contra mim.

Vem cá, senta aqui e me conta. É medo? Ou você só simplesmente não me suporta De qualquer forma, só não dá esperança pr'esse coração que nunca deixa de acreditar.

Eu fico pensando que sou tipo Midas ao contrário. Destruo tudo o que toco. E você (s) não me deixa(m) pensar diferente, agindo desse jeito.

Vem cá e me fala, tá?

Mas cansa, e desgasta e machuca ser sempre quem corre atrás.

E cansa, desgasta e machuca ser a pessoa que ninguém aguenta!

Que ninguém suporta.

Te juro que é assim que eu me sinto algumas vezes. mas vocês não me dão motivos para sentir-me de maneira diferente, não é?

"Eu não entendo nada do que você fala."

"Nossa, agora ela vai falar pra sempre."

"Que saco."

Quando vocês vão parar? Quando vão olhar e se importar, pra valer, que eu sou uma pessoa assim tal qual vocês? Que sente, e que se importa.

Olha, é difícil estar na minha pele quando tudo desaba. Mas eu não fujo de mim.

E eu sou legal maioria das vezes, te prometo. E eu não costumo morder. E eu não sirvo só pra dar lição de moral.

E eu sei ser ridícula de uma maneira engraçada. E eu também conto umas piadas bem sem graça. Tenho os piores trocadilhos do mundo. E tenho sim mania de corrigir todo mundo, mas todo mundo tem defeitos, inclusive todo mundo.

E isso nem fez sentido, mas se acha que não fez relê isso e cê vai ver que na verdade faz todo o sentido possível. 

Isso é só pra te dizer que eu também existo tá? Sou de carne e osso, nervos e coração.

Assim igualzinho você.

Não corre tá? Não precisa dar desculpa. Vê se não some. Espero te encontrar na próxima esquina.

Espero que da próxima vez que eu sorrir você  vai sorrir de volta sem essa careta que disfarça o riso porque eu não sou tão má assim de se gostar.

Eu sou normal por baixo de todas essas metáforas e palavras complicadas, só pra avisar.

Tenta dar uma olhada e desconstruir essa imagem de pessoa que se acha superior que cê tem de mim. De menina mais chata do universo.

Não sou uma coisa nem outra.

Sou só eu.

Se quiser descobrir, sou como um livro na estante da biblioteca esperando para ser lido.

Enquanto não fira minha liberdade,

À disposição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário